domingo, 28 de fevereiro de 2016

Eduardo Cunha pode salvar o Pré-sal


Painel - O projeto do pré-sal aprovado pelo Senado pode ficar um bom tempo mofando na gaveta. A Câmara pretende aprovar uma lei completamente diferente das regras atuais de exploração de petróleo em águas profundas. O presidente da Câmara, Eduardo Cunha, favorável ao resgate do regime de concessão para a exploração do pré-sal, pautará um projeto do deputado Mendonça Filho (DEM-PE) revogando o modelo de partilha, derrota que o Planalto pode não conseguir evitar.

Ou seja, Eduardo Cunha (PMDB/RJ) pode salvar o Brasil do PLS 131/2015, pelo menos por enquanto.

O projeto que o Deputado deseja pautar faz com que o país retorne à idade das trevas (era FHC).

Como se trata de um texto que propõe mais de uma década de retrocesso, afronta o Senado e faz o Brasil lembrar de FHC, a ideia não prosperará.

A Presidenta nem se preocuparia em vetar, pois o próprio Senado derrubaria o ultraje provocado por Cunha, ou - até mesmo - responderia de forma retaliativa.

Como nosso legislativo é repleto de "moleques", é bem provável que as duas casas entrem em guerra, e que ambos os projetos sejam rejeitados

Bem engraçado, mas o Pré-sal pode ser salvo pela ciranda dos nossos parlamentares.

Para completar, a molecagem daria tempo suficiente para o país se mobilizar, tomar as ruas e dizer - mais uma vez - que o petróleo é nosso.
Eduardo Cunha pode salvar o Pré-sal
4 / 5
Oleh