terça-feira, 19 de abril de 2016

Dilma teve mais eleitores do que a soma de todos os deputados que votaram pelo impeachment


Nem os votos de todos os eleitores dos 367 deputados que aprovaram o impeachment venceria Dilma Rousseff em uma eleição. A presidente foi escolhida por 54.483.045 de brasileiros. Já os parlamentares que decidiram a abertura do processo tiveram 42.435.106 de votos. No entanto, especialistas alertam que isso não significa falta de representatividade na decisão da Câmara dos deputados.

"São eleições (para presidente e para deputado) diferentes. Os estados tem eleitorado distintos. Uma grande votação em Roraima pode ser um dos menos votados em São Paulo. Isso não significa menos representatividade no Congresso", explica o cientista político César Romero Jacob, da PUC-Rio.

O baixo número de votos no Congresso é reflexo do sistema de votos proporcionais. Ou seja, nem todo deputado mais votado consegue uma vaga. Isso porque um político precisa atingir um determinado número de eleitores e, a partir disso, os votos que sobram vão para um aliado do mesmo partido ou coligação.

Leia mais no Extra
Dilma teve mais eleitores do que a soma de todos os deputados que votaram pelo impeachment
4 / 5
Oleh