quinta-feira, 7 de abril de 2016

Emboscada a acampamento do MST no Paraná deixa dos mortos e vários feridos


Acaba de acontecer emboscada contra o acampamento Dom Tomás Balduíno, do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), em Quedas do Iguaçu, região Centro do Paraná.

De acordo com a secretaria do movimento, seguranças e jagunços da empresa Araupel armaram uma emboscada, com participação da Polícia Militar, de acordo com o movimento.

A ação foi realizada fora do acampamento, mas no interior da área da ocupação.

“Em torno de quinze pessoas desceram para fazer vistoria numa área ocupada, e havia pessoas do Bope e da Polícia Militar na emboscada. Agora, não sabemos de fato quantas pessoas estão mortas e quantas estão baleadas, porque a Polícia agora não nos deixa chegar perto”, afirma dirigente do movimento na região, que preferiu não se identificar.


Nota do setor de comunicação do MST:

A direita ampliou suas frentes de ataque. Agora está direcionando a artilharia para os movimentos populares. Não são  fatos isolados, são articulações contra o povo e suas lideranças com o fim de consolidar o golpe.

Só essa essa semana, inciou-se com ataque e queima de acampamento em Rondônia, prisão de Frei Sergio, prisão do Cacique Babau e seu Irmão, agora atentato que tirou a vida de dois companheiros Sem Terra e várias feridos no Paraná, 

Isso é GOLPE em pleno funcionamento, esses acontecimentos se dão em menos de uma semana, no momento em que a direita foi desmascarada e alguns de seus planos avançam com violência direta. 

Atentas e atentos!


- Aos nossos mortos: Nenhum minuto de silêncio, mas toda uma vida de luta!

Sebastião Lopes
Emboscada a acampamento do MST no Paraná deixa dos mortos e vários feridos
4 / 5
Oleh