quinta-feira, 14 de abril de 2016

"Frente pela democracia" conta com 186 assinatura de Deputados, inclusive do PSDB e DEM


As assinaturas de parlamentares do PSDB e do DEM confinam a matéria que fizemos no dia 28/03: O impeachment não sairá da Câmara dos Deputados.

"Os parlamentares, mesmo com um desejo imensurável de apear a Presidenta Dilma Rousseff do poder, sabem que não existe um crime de responsabilidade cometido pela chefe do Executivo - leia sobre a falta de amparo constitucional do pedido de impeachment".


**

Estadão - A presidente nacional do PCdoB, deputada Luciana Santos (PE), protocolou nesta quinta-feira, 14, na Câmara, o pedido de criação da Frente Parlamentar Mista pela Democracia. A frente conta com assinatura de 186 deputados federais e 32 senadores.

A dirigente afirmou que esses números não significam "necessariamente" que todos esses parlamentares vão votar contra o impeachment. Prova disso é que a frente conta com assinaturas de parlamentares de partidos a favor do impedimento, como PSDB, DEM e PP.

"O objetivo dessa frente é sinalizar para dentro e para fora da Casa o significado do impeachment para a população brasileira", afirmou Luciana Santos. A dirigente do PCdoB disse ter começado a colher as assinaturas para a frente na semana retrasada.

Apesar de ter apoio de parlamentares pro-impeachment, a frente faz parte de mais uma estratégia dos governistas para tentar mostrar apoio ao governo. "É uma forma que temos para mostrar força para fazer o enfrentamento", disse o líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE).
"Frente pela democracia" conta com 186 assinatura de Deputados, inclusive do PSDB e DEM
4 / 5
Oleh