segunda-feira, 4 de abril de 2016

José Eduardo Cardozo afirma que o processo contra a Dilma deve ser anulado


Cardozo disse, durante a oitiva, que a juntada dos documentos da delação premiada de Delcídio do Amaral (sem partido - MS) ao processo contraria a própria decisão de Eduardo Cunha, pois quase todas as acusações dizem respeito ao primeiro mandato de Dilma Rousseff.

Ele ainda afirmou que o Presidente da Câmara jamais deveria ter juntado a delação do Senador ao processo, e que isso é uma continuidade do desvio de poder.

A simples presença dos documentos da denúncia de Delcídio nos autos e o fato dos Deputados da comissão terem falado sobre a delação já é motivo para anular o processo, afirmou o Ministro da AGU.
José Eduardo Cardozo afirma que o processo contra a Dilma deve ser anulado
4 / 5
Oleh