sexta-feira, 6 de maio de 2016

Novo Presidente da Câmara pode anular o GOLPE


Natuza Nery/Painel - Um recurso de Dilma para anular o impeachment resta pendente. Em petição de 25 de abril, o advogado-geral José Eduardo Cardozo requer que os autos do processo voltem à Câmara e que seja declarada a nulidade da votação.

Caberá agora ao novo presidente da Casa, que votou contra a deposição da petista, avaliar o pedido. “Com uma canetada, Maranhão pode agora levar o impeachment à estaca zero”, diz um aliado de Cunha.
Novo Presidente da Câmara pode anular o GOLPE
4 / 5
Oleh