segunda-feira, 9 de maio de 2016

Presidente da Câmara e governo estudam acionar o STF para interromper o GOLPE no Senado


Mônica Bergamo/Painel - O presidente da Câmara dos Deputados, Waldir Maranhão (PP-MA), e o governo estudam entrar no STF (Supremo Tribunal Federal) para evitar que o Senado siga analisando o impeachment.

Maranhão decidiu anular a sessão da Câmara que aprovou a admissibilidade do impeachment de Dilma.

O presidente do Senado ignorou o despacho de Maranhão e segue encaminhando a sessão em que se discute o afastamento da presidente do cargo.

Maranhão tem uma dificuldade interna: o impeachment foi aprovado por 70% dos deputados e assessores técnicos da Casa são frontalmente contrário à medida divulgada nesta segunda (9) por ele.
Presidente da Câmara e governo estudam acionar o STF para interromper o GOLPE no Senado
4 / 5
Oleh